CuriOvo: Aumentar o colesterol ruim? Aqui não!

7 (1)

O ovo por muitos e muitos anos não fazia parte do cardápio das pessoas, porque tinha-se a ideia de que o ovo aumentava o colesterol ruim e o risco de ter doenças cardíacas. Nosso CuriOvo de hoje é para desmistificar essa história!

De fato, o ovo possui uma porcentagem de colesterol. Porém, isso não quer dizer que eleva os níveis de colesterol ruim (LDL) no sangue, pelo contrário, o nosso corpo não assimila uma quantidade significativa do esteróide ao ingerir os alimentos fontes de colesterol. O nosso corpo produz cerca de 70% a 80% de colesterol e apenas 20% a 30% provém dos alimentos.

É difícil de acreditar né? Mas os grandes vilões nessa história são o consumo excessivo da gordura saturada, tabagismo, sedentarismo e fatores genéticos.

O superalimento

O ovo é um dos alimentos mais nutritivos que existem, completamente rico em micro e macronutrientes. Na clara, está presente proteínas de alto valor biológico, como a albumina. Já na gema, há a presença de vitaminas A, D, E e K, do complexo B (vitamina B12 e colina) e minerais como ferro, selênio, cobre, potássio, fósforo, zinco e cálcio. Além disso, o ovo também possui fontes de luteína e zeaxantina, que auxiliam na prevenção de alterações oculares. A colina é um nutriente essencial para o cérebro, tendo a participação indireta na regularização da memória, cognição e na atividade dos músculos.

Resumindo, dizer que o ovo é prejudicial a saúde não é verdade. O ovo deve sim fazer parte da nossa alimentação!

Agora que você já sabe disso, que tal fazer umas receitas com os produtos Label Rouge? Veja algumas dicas para preparar o seu ovo.

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.